Ações do documento

História


Fundação

Conhecida pelo apelido de “Cidade-Feitiço”, a história de Catanduva remonta os anos finais do século XIX. 

Chamada inicialmente pelo nome de Cerradinho, que em linguagem indígena significa “mato rasteiro” (por conseqüência do terreno que possuía), o arraial foi elevado à categoria de Distrito de Paz pela Lei nº 1.188, de 16 de fevereiro de 1909, modificando seu nome para Vila Adolfo, em homenagem a um influente político de São José do Rio Preto.

Sobre seus fundadores não se sabe com exatidão quem realmente deu início ao povoado. Duas são as versões aceitas entre estudiosos. 

Joaquim Alves Figueiredo.jpg A primeira afirma que o povoado tinha se iniciado com a chegada da família mineira Figueiredo (Joaquim Alves Figueiredo - foto ao lado), se estabelecendo aqui em 1890, no bairro do São Francisco, considerado o primeiro bairro de Catanduva.

A segunda versão diz que a cidade teria sido fundada por Antonio Maximiano Rodrigues (foto abaixo e à direita) Antonio Maximiano Rodrigues.jpg, também mineiro, que adquiriu terras da região por volta de 1890, fazendo doação de alguns de seus alqueires para a paróquia de São Domingos.

Há ainda uma terceira versão, não aceita pelos historiadores, de que Catanduva teria sido fundada por Domingos Borges da Costa, conhecido como Minguta (foto abaixo e à esquerda).

minguta.jpgVale destacar que, pela falta de documentação, não se pode ter certeza da fundação, principalmente no caso da família Figueiredo. Por outro lado, no caso de Maximiano, tem-se um documento datado de 18 de setembro de 1890 no Cartório de Registro de Imóveis e Anexos da Comarca de Jaboticabal confirmando a aquisição de terras por parte dele, de terras da antiga Fazenda Barra Grande, no espaço que hoje se encontra a cidade de Catanduva.

Um ponto interessante de se destacar sobre os primórdios de nossa história, foi à instalação da estrada de Estrada de Ferro Araraquarense – EFA, que chegou aqui em 1910, símbolo da modernidade e do progresso. 

ferroviaria.jpg

Vista até então como uma pacata vila sem expressão econômica, a partir daí o vilarejo foi ganhando notoriedade e espaço dentro da região, sendo elevada à categoria de município pela lei nº 1564 de 14 de novembro de 1917.

A instalação do município se efetivou no dia 14 de abril de 1918, em um destacado clube local, conhecido como “Clube 7 de Setembro”. 

« Agosto 2019 »
Do Se Te Qu Qu Se Sa
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Newsletter
Seu e-mail

HTML
Text
Visite nosso arquivo
Clima